NOTA #1 [09/09/2018] (VIRTUAL)

Na reunião do dia 9 de setembro foi lido o texto “O que é um campo?” de
Giorgio Agamben. Em seguida, discutimos a partir de diferentes abordagens.
Os principais questionamentos levantadados foram, consoante ao título do
texto, sobre o que é um campo: uma especialidade fechada e plenamente
identificável (como um Lager) ou uma realidade nebulosa.
Após, a querela sobre as concepções teóricas que relacionam favelas e
espaços de intensa atuação policial como uma continuidade da senzala ou do
campo de concentração foi abordada. Foi apontada a importância de
diferenciar esses constructos (senzala e Lager) como paradigmas da
filosofia agambeniana de sua realidade histórica. Também ressaltamos
brevemente a importância de diferenciar um paradigma do outro.
Por fim, foi trazida a história de um candidato pelo Psol que serve de
exemplo da situação de abandono: abandonado aos milicianos que tentaram
atingí-lo (por desgostarem de sua candidatura), e não protegido pelo
partido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *