NOTA #1 [11/07/2017] (RJ I)

Gostaria de parabenizar a todos os envolvidos pela excelente iniciativa e pelo transcorrer das discussões no curso EAD sobre Zizek. Aprendi muito! Obrigado. Penso que a experiência foi bem sucedida em inúmeros aspectos e acho que o modelo pode e deve ser reproduzido em outras ocasiões e para outros temas.

Por último, deixo uma pergunta que, dado o avançar do prazo e as restrições do fórum, provavelmente não será respondida por lá, mas que talvez os camaradas me ajudem a responder:

Vimos que Zizek traz elementos para pensarmos em outra chave a ideologia e a autonomização das formas sociais capitalistas. Tais aspectos, junto de outras dimensões levantadas ao longo do curso, oferecem questões importantes ao marxismo, de um lado, e à leitura do capitalismo contemporâneo de outro. No que se refere ao materialismo dialético, para além do tema de uma filosofia da natureza, brevemente discutido na última aula, quais seriam outras e não mencionadas fronteiras e desafios zizekianos (caso os haja) postos contemporaneamente à renovação marxismo como teoria social?

No mais, gostaria de recolocar uma questão apresentada anteriormente, que penso importante para nossa reflexão coletiva (e que, pela resposta anterior, não ficou devidamente esclarecida para mim):
Como pensar, a partir do conceito zizekiano de ideologia, a busca da (crítica marxista da) Economia Política por compreender os fenômenos e processos materiais que fazem do capitalismo aquilo que ele “é” (bem como seus desdobramentos concretos) em cada conjuntura específica? Como compreender e caracterizar nesta chave (e desde um ponto de vista epistemológico) essa operação de conhecimento? E assim o sendo, qual o estatuto analítico (ou mesmo operacional) que assumiriam, nesta operação, os conceitos de capital, dinheiro, mais-valia, relações de produção, etc.? De que modo a construção zizekiana sobre a ideologia nos ajudaria a reinstaurar esse problema (de conhecimento) em outras bases?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *