NOTA #11 [26/06/2018] (RJ I)

Sobre Bolsonaro, me parece que o dilema é parecido com o do 18 de brumário: há de se explicar não apenas o sentimento antisistêmico que produz um fenômeno como o dele (suposto que seja um tal sentimento a causa do que está aí em questão), mas porque esse sentimento se expressa “adequadamente”, para uma parte já alarmante do eleitorado, nessa figura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *