NOTA #11 [31/07/2018] (RJ I)

Não aja, pense: Corrida presidencial. Debates, entrevistas. Campanha. Batalhas digitais. Fake news. Estratégias, pesquisas eleitorais. Polarizações e fratura social. Facada. E eis que Daciolo se retira, no meio do olho do furacão, para o monte a fim de jejuar e orar, sua forma de pensar. Pra mim tem alguma coisa a tirar daí.

 

Obs: “A expressão “estar no olho do furacão” é usada para descrever uma situação problemática.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *