NOTA #6 [09/01/2018] (RJ I)

Não está claro no projeto atual do CEII a obrigatoriedade dos membros estarem presentes ao vivo nas reuniões. Nem a escutarem os áudios. A única obrigação (até onde pude entender) é escrever notas sobre as reuniões. Estou muito atarefado e sem tempo para ir nas reuniões ou mesmo escutar os áudios (escutava no máximo 15 minutos iniciais), por isso minhas notas vinham sendo feitas com base no que lia no grupo do zap e do face e nas notas anteriores (em muitos casos defasadas e sem conexão direta com a reunião anterior). Acredito que um resumo de cada reunião já ajudaria a melhorar minha participação. No entanto, essa dificuldade levanta a questão da “participação mínima”. A “participação mínima” não implica ir presencialmente às reuniões e nem escutar o áudios? Mas até que ponto isso prejudica a vida da própria célula? Se muitos membros adotarem esse comportamento, as próprias reuniões podem não existir mais ou, pior, acabar onerando a carga de trabalho de alguns membros com tarefas extras, tipo escrever resumo das reuniões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *