NOTA CEII SP [08/02/2018]

Nesta última terça, a FIESP lançou mais uma “ação promocional”. Se antes o mascote era o pato amarelo e o alvo era o possível aumento de impostos, com o slogan “não vou pagar o pato”, agora o mascote é um sapo verde, o alvo é a “alta taxa de juros” paga no Brasil e o slogan é “chega de engolir sapos”. A FIESP provavelmente contratou uma agência para desenvolver tal campanha e vem se utilizando de táticas de marketing de guerrilha para divulgação. Por mais que muitas vezes diga-se que a FIESP esteja pregando para convertidos, inevitavelmente tais campanhas tem algum impacto junto à população e à opinião pública. Quando a esquerda irá entender a importância de desenvolvimento de ações coordenadas e estratégicas, principalmente no campo da comunicação?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *