Nota CEII SP [14/06/2018]

Isso não quer dizer, simplesmente, dar um salto maior que a perna. Mas, pensarmos se nessa de garantia de subsistência dos membros, porque não sonhamos com algo alto, do tipo uma pós-graduação ceiiana? Porque não criamos uma organização legal (esqueci o nome disso) algo como uma associação e oferecemos cursos de pós-graduação tendo em vista preparar não apenas nós mesmos como agentes ativos, mas também outros que nos procurassem. Enfim, porque não criamos uma cooperativa de ensino e pesquisa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *