NOTA #1 (18/02/17) PR

A reunião foi formalizada, mas não aconteceu. Aproveito para compartilhar com os camaradas sobre meus estudos das últimas semanas. O que tem ocupado meu tempo é a Crítica da razão prática e os textos de Lacan sobre a constituição do sujeito, a homização forçada, o assujeitamento ao campo do Outro. Texto fantástico é o “Freud e Lacan” do Althusser, nesse ponto. Estou procurando trabalhar o esclarecimento kantiano, o advento de um novo problema com a descoberta do inconsciente (ora, o sujeito-consciente é a base de toda a filosofia iluminista.), é uma possível rota de fuga do grande Terceiro através de Foucault. Estou ciente dos problemas de Foucault com a psicanálise, mas, também da sua boa relação com a ideia da negatividade do sujeito lacaniano. Quando começar a escrever, compartilho com os camaradas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *